Como Procurar Empregos no Canadá

Formatura George Brown College

Finalmente pós graduada!

A semana passada foi muito corrida com provas finais, apresentação de trabalhos, nervosismo, ansiedade e um milhão de sentimentos misturados. E no meio de tudo isso ainda estava procurando um apartamento pra me mudar no começo de setembro. Passei em todas as matérias com notas boas, as apresentações finais foram um sucesso, a comemoração do último dia de aula foi bem animada e finalmente achei um novo lar! Mas na sexta-feira começaram as dúvidas e o sentimento de que agora acabou e é hora de voltar pra realidade. Emprego, emprego, residência permanente, é tudo que vem na minha cabeça.

Valeu muito a pena fazer minha pós aqui, eu aprendi muito e cresci ainda mais. Hoje sei o que quero pro meu futuro e sei que com a bagagem que ganhei aqui vou conseguir o que eu quiser. Mas mesmo com toda a bagagem, é bom ter um plano B como segunda opção pra quem tem o sonho de estudar no Canadá, ou imigrar pra cá. É fácil ganhar dinheiro aqui? Sim, qualquer emprego básico vai te dar dinheiro, mas para empregos melhores, é preciso experiência, networking e conhecimentos técnicos.

Já expliquei anteriormente como funciona os empregos part-time aqui, como é o salário pago por hora, mas pra full-time é um pouco diferente. Pra full-time, normalmente o salário é negociado por ano, e pago a cada duas semanas. Por exemplo, para profissionais de marketing, o salário inicial é em média $30.000 a $35.000 por ano, mais benefícios (plano de saúde, férias, plano dental e outros).

Viu que tem os requisitos para os empregos aqui? Tem permissão de trabalho válida? Quer tentar? Ótimo, mas como começar a procurar pelas oportunidades? Fácil! Assim como no Brasil, comece procurando online e perguntando aos amigos e colegas. Alguns sites como Indeed, Workopolis, LinkedIn e Monster são bem úteis. Esses websites tem a versão grátis e paga, nunca usei a paga, mas a grátis já é boa pra começar. Eles também são bons para ver a média salarial pra sua profissão. Evite sites como o Craigslist e Kijiji para empregos em áreas específicas, eles não são tão confiáveis e normalmente não apresentam o nome da empresa na qual você se candidatou, isso faz com que algumas vezes você seja levado pra entrevistas que não tem nada a ver com a área que quer trabalhar.

Depois de se inscrever nesses sites, monte seu currículo no modelo canadense, que é diferente do Brasil, escreva sua cover letter comece a se preparar para as entrevistas e boa sorte!

Veja o modelo do currículo canadense clicando aqui: marianacimini_resumesample

Formatura George Brown College

8 Comment

  1. Fabio says:

    Oi Mari,
    Gostei muito do seu blog! Muitas dicas boas!
    Estou indo para o canadá ano que vem e formado e com MBA em marketing aqui no Brasil.
    Uma dúvida que eu tenho: Para entrar no mercado de trabalho canadense, o que "pesa mais" no CV, um curso postgraduate ou um college normal voltado pra mkt? Pergunto isso por que eu acho que o college vai ser muito repetitivo, tendo em vista que já estudei bastante marketing por aqui!

    p.s: e você, conseguiu emprego full-time já? Está gostando?

    beijos

  2. Fabio says:

    Oi Mari,
    Gostei muito do seu blog! Muitas dicas boas!
    Estou indo para o canadá ano que vem e formado e com MBA em marketing aqui no Brasil.
    Uma dúvida que eu tenho: Para entrar no mercado de trabalho canadense, o que "pesa mais" no CV, um curso postgraduate ou um college normal voltado pra mkt? Pergunto isso por que eu acho que o college vai ser muito repetitivo, tendo em vista que já estudei bastante marketing por aqui!

    p.s: e você, conseguiu emprego full-time já? Está gostando?

    beijos

  3. Oi Fábio, na minha opinião uma pós graduação vale mais. Se você já é formado e tem MBA, um college seria apenas uma repetição de tudo o que você já aprendeu, afinal, maketing é marketing em qualquer lugar.
    Infelizmente não consegui um full-time ainda. Faço algumas consultorias por conta própria, mas o full-time ainda não veio.
    Beijos

  4. Opa Mari tudo bem?

    Vem cá, o seu post graduate foi de 1 ano foi? Vem pode continuar trabalhando e vivendo quando terminar o visto?

  5. Oi Marcus, sim, meu post grad foi de um ano sim. Após um ano estudando tenho permissão pra trabalhar por mais um ano full time. Depois disso, só aplicando pra imigração…

  6. Anônimo says:

    Oi Mariana… nao tem como voce dar um exemplo da cover letter??

  7. Igor Lai says:

    Oi Mariana, tudo bom?
    Vc terminou os estudos em agosto/13 e quando aplicou/conseguiu o seu PGWP? Durante esse período vc conseguiu ficar no Canadá legalmente aguardando/trabalhando?
    Fico um pouco apreensivo em relação ao curto período de tempo que é o PGWP(1 ano nesse caso), pois é exatamente o tempo mínimo de trabalho que o governo canadense considera para aumentar a pontuação no EE.
    Obrigado.

    Igor

Comentários fechados.