Express Entry em Números

express-entry

O programa de imigração express entry começou no dia 1 de Janeiro de 2015, e hoje, um ano depois faço um balanço geral das informações já divulgadas.

Foram 23 draws desde janeiro, sendo o último dia 18 de Dezembro, e o total de convites (ITA) foi de 31,063 aplicações. De todos os draws, apenas 5 deles foram exclusivos pra quem tinha LMIA ou PNP (mais de 600 pontos). A pontuação máxima não foi divulgada pelo CIC, mas a mínima foi de 450 pontos.

Segundo o relatório divulgado em Junho, dos 12,928 convites até a data, 7528 candidatos enviaram suas aplicações e 655 obtiveram a resposta positiva. Para prever as estatísticas até o fim do ano, eu usei uma regra de três básica, e se o tempo de processamento das aplicações continuou o mesmo, isso quer dizer que do total de 31,063 pessoas com o convite (ITA), 18,088 já teriam enviado seus documentos, e 1584 pessoas já teriam recebido uma resposta positiva. Isso quer dizer que apenas 5% dos aplicantes receberam sua residência permanente no ano de 2015. Por outro lado, se analisarmos o tempo máximo de processamento de seis meses, todas as aplicações enviadas até Junho já teriam sido processadas. Se consideramos ainda, que 20% dos aplicantes foram negados, isso ainda daria aproximadamente 10340 aplicantes aprovados até o final do ano de 2015.

Obviamente estou fazendo uma suposição groceira com dois cenários diferentes, e logo logo, quando o CIC divulgar o relatório anual veremos quão rápido eles estão processando os processos.

express-entry-draws-2015

Por enquanto, o que dá pra saber sem suposições é que:

Menor pontuação de corte: 450
Maior pontuação de corte: 886
Pontuação de corte média: 469
Número de ITAs: 31063
Número de draws: 23
Média de ITAs por mês: 2990

express-entry-stats-2015

11 Comment

  1. Mari Cimini says:

    Oi Thiago, tudo bem? Olha, o primeiro sinal de quem tem algo estranho é uma empresa te prometer emprego. Emprego nunca é garantido, ainda mais sem você nem ter mostrado sua experiência, outro sinal é garantia de imigração bem sucedida, isso também nunca é garantido. As empresas podem ver seu perfil e te dar uma noção de possibilidade de imigração, mas nunca uma garantia que o processo vai dar certo, pois isso depende do oficial de imigração que analisar o seu caso.

    A maioria das empresas cobram uma taxa de conveniência para fazer o processo pra você e essa taxa varia muito dependendo do processo, e de vários outros fatores, imagino que esse valor que essa agência está cobrando é só essa taxa, pois além disso tem o pagamento do processo em si que é muito mais alto que esse.

    Recomendo entrar em contato com outras agências pra ter uma noção de preços e só fechar com uma que você realmente se sinta confortável e confie. Recomendo também usar agências que alguem recomendou, tem muitos impostores por ai. Eu indico a e-visa, tem o contato deles na página de parcerias aqui do blog, entre em contato e peça um orçamento sem compromisso.

    Espero ter ajudado, abraço

  2. Thiago Guedes de Freitas says:

    Encontrei seu blog pois uma empresa chamada MDC Canadá, me ligou fazendo muitas perguntas e praticamente me deu certeza sobre a possibilidade de uma imigração bem sucedida e inclusive com emprego em uma província de acordo com meu perfil. Eu pedi um tempo para conversar com minha esposa para pensar juntos, esta empresa estava me cobrando um valor de U$417, disse que era para as despesas com o consultor de imigração, e que 90% seria para as custas de documentos. Foi quando encontrei o seu site e que me deu um passo a passo. Ele me retornou e eu questionei sobre o exame de Proficiência, e as pontuações, ele disse que é exatamente assim que procede. Acredito que não seja fraude, mas que seria uma empresa de consultoria que faria os trâmites pra mim. Mas de qualquer forma dependerá de mim para passar nos testes. Já ouviu casos semelhantes? Você indicaria pra mim um consultor pra me auxiliar? Agradeço. Muito bom o seu site! Parabéns.

  3. Valéria Gonçalves says:

    Olá Mariana,

    O express entry engloba tanto o período de ITA quanto o período da resposta positiva depois do envio dos documentos ?

    Para quem tem mais de 600 pontos, ele so participa dos draws específicos ou de todos? E nos draws específicos, as pessoas tem mais chances de conseguir o visto?

    Obrigada

  4. Valéria Gonçalves says:

    Olá Mariana,

    O express entry engloba tanto o período de ITA quanto o período da resposta positiva depois do envio dos documentos ?

    Para quem tem mais de 600 pontos, ele so participa dos draws específicos ou de todos? E nos draws específicos, as pessoas tem mais chances de conseguir o visto?

    Obrigada

  5. Rodrigo Alves says:

    Mari, como vc conseguiu trabalhar um ano de pgwp? Vc já tinha emprego arranjado antes de acabar a pós?
    Quais sao as dicas para nao perder o tempo 'sagrado' de pgwp? obrigado!!!

  6. Victor Hugo says:

    Boa tarde! Observando estes números, me surgiu a seguinte dúvida. Eu e minha esposa gostaríamos de fazer a aplicação para o express entry. Simulando, eu tenho cerca de 380 pontos e ela 250. Estes pontos são somados?

  7. Victor Hugo says:

    Boa tarde! Observando estes números, me surgiu a seguinte dúvida. Eu e minha esposa gostaríamos de fazer a aplicação para o express entry. Simulando, eu tenho cerca de 380 pontos e ela 250. Estes pontos são somados?

  8. Mariana Cimini says:

    Oi, tem um post com minha linha do tempo que explica melhor os meus anos aqui, mas basicamente foi 1 ano com visto de estudo e trabalho estudando inglês (esse programa não existe mais), depois 1 ano de visto de estudos da pós, 1 ano do PGWP, são 4 anos porque cada visto demorou de 2 a 3 meses pra sair, e nesse tempo ficava em implied status, fora isso tem uns meses que fui pro Brasil também aplicar pro visto pro college de lá. Vou fazer um post explicando melhor as datas 🙂

  9. Mariana Cimini says:

    Oi, tem um post com minha linha do tempo que explica melhor os meus anos aqui, mas basicamente foi 1 ano com visto de estudo e trabalho estudando inglês (esse programa não existe mais), depois 1 ano de visto de estudos da pós, 1 ano do PGWP, são 4 anos porque cada visto demorou de 2 a 3 meses pra sair, e nesse tempo ficava em implied status, fora isso tem uns meses que fui pro Brasil também aplicar pro visto pro college de lá. Vou fazer um post explicando melhor as datas 🙂

  10. Daniel says:

    Olá, Mariana.
    Comecei a acompanhar seu blog a pouco tempo por estar planejando migrar tb! Parabéns pelo blog, muito bom!

    Estou com uma dúvida a respeito do seu processo. No post sobre o seu perfil do express entry, vc informou q tinha 4 anos morando no Canadá.

    Creio que seus vistos foram os seguintes: 1 ano devido aos estudos da pós, 1 ano do PGWP. E os outros dois?! Como vc permaceu no Canadá após esses dois primeiros anos?

    Pergunto isso pois tenho pensando em fazer um estudo graduate certificate (1ano) e nao um estudo de diploma (2anos).

    Como minha idea eh ir para migrar, seria importante saber como me manter legalmente no país após esses dois primeiros anos!

    Obrigado!!

  11. Daniel says:

    Olá, Mariana.
    Comecei a acompanhar seu blog a pouco tempo por estar planejando migrar tb! Parabéns pelo blog, muito bom!

    Estou com uma dúvida a respeito do seu processo. No post sobre o seu perfil do express entry, vc informou q tinha 4 anos morando no Canadá.

    Creio que seus vistos foram os seguintes: 1 ano devido aos estudos da pós, 1 ano do PGWP. E os outros dois?! Como vc permaceu no Canadá após esses dois primeiros anos?

    Pergunto isso pois tenho pensando em fazer um estudo graduate certificate (1ano) e nao um estudo de diploma (2anos).

    Como minha idea eh ir para migrar, seria importante saber como me manter legalmente no país após esses dois primeiros anos!

    Obrigado!!

Deixe uma mensagem