Ainda sobre Adaptação em um país diferente

Adaptação no exterior

Comentei um pouco sobre a minha adaptação em Toronto, que foi super fácil, mas depois disso comecei a pensar um pouco nas famílias que já vem como imigrante, que são muito mais corajosas do que eu, que largaram tudo no Brasil pra recomeçar do zero no Canadá, e me peguei pensando que pra essas pessoas realmente a adaptação é mais difícil e é sim um fator a se pensar com muito cuidado antes de tomar essa decisão tão importante.

Coincidentemente, no mesmo dia que eu estava pensando sobre essas coisas, a pessoa de recursos humanos do meu trabalho veio me contar toda feliz uma novidade sobre a vida dela. Ela que é canadense, com pais imigrantes vindos do Chile, foi selecionada para ser a “parent buddy” de uma família de imigrantes recém chegada do Brasil!

Já tinha visto que as escolas e até o governo tem programas pra ajudar os refugiados nesse processo de adaptação, mas não tinha a menor idéia que as escolas tinham esse tipo de programa pra ajudar novos imigrantes também, e simplesmente achei sensacional, e com certeza é um apoio a mais a quem está com medo do que vai encontrar por aqui.

Ela me explicou que o casal chegou tem umas duas semanas, e o marido é quem fala inglês e está procurando trabalho, já a mulher não fala quase nada da língua, e uma criança de uns 6 anos arranha algumas palavras. Já na primeira semana de aula do menininho, as duas famílias se encontraram para um café e uma conversa, e logo depois de deixar as crianças na escola eles levaram os novos canadenses para um tour pelo bairro, mostrando coisas simples como onde ficava o supermercado e coisas do tipo, e também ajudaram a comprar a mobília pra casa. Ela também disse que nessa escola, pra toda nova família de imigrantes, tem um família canadense que faz essa recepção, assim, além de se sentirem mais a vontade também acabam fazendo novos amigos.

Além desse tipo de incentivo pra adaptação, existem vários lugares pela cidade onde oferecem serviços para novos imigrantes, como ajuda pra conseguir um emprego, Welcome Pack kit, ajuda pra abrir conta bancária, contratar uma operadora de celular, e muito mais. Normalmente esses serviços são oferecidos por ONGS e são de graça! Mas isso é assunto para um outro post…

6 Comment

  1. DOM says:

    Oi Mari,
    Estou de passagem comprada pra Agosto, rsrs!
    Já estou com a ansiedade a mil é claro…vou pra estudar…dois anos de post-grad na Humber.
    Estou adorando o blog parabéns, te favoritei la no meu.
    http://serumcanuck.blogspot.com.br
    Beijos

  2. Unknown says:

    Nossa muito interessante saber disso…já tinha lido sobre as escolas do Canadá mas ainda não tinha lido algo mais detalhado…ótima informação já que eu tbm vou tentar imigrar com minha filha!

  3. Mariana Cimini says:

    Procure os centros comunitários, todo bairro tem um! 🙂

  4. Cris Fortuna says:

    Olá esse programa de recepção como entro em contato? Como funciona?

  5. Rodrigo Farias says:

    Parabens pelo Blog.
    Meu nome é Rodrigo, e meu sonho é morar no Canadá.
    Mas é projeto para daqui a seis anos, indo morar com a família.
    Abraços
    Rrodrigo

  6. Rodrigo Farias says:

    Parabens pelo Blog.
    Meu nome é Rodrigo, e meu sonho é morar no Canadá.
    Mas é projeto para daqui a seis anos, indo morar com a família.
    Abraços
    Rrodrigo

Deixe uma mensagem