#VidaEmTO: O que faria diferente na minha vida em TO se pudesse voltar no tempo

dicas de toronto

Sabe aqueles momentos que você se pega pensando no passado e em como algumas coisas poderiam ter sido diferentes? Pois é, eu fiz muito isso nesses anos morando no Canadá, e muitas das decisões que tomei aqui no início me fizeram chegar onde eu estou hoje, mas algumas vezes me pego pensando se eu tivesse tomado decisões diferentes onde eu estaria.

Na vida é super normal se arrepender de algumas coisas, tomar decisões erradas ou precipitadas, e seguir caminhos que não deveriam ter sido seguidos. Nesse post do projeto #vidaemTO vamos contar pra vocês o que faríamos diferentes na nossas vidas em Toronto se tivéssemos uma máquina do tempo e pudéssemos voltar alguns anos.

Planejar melhor os meus passos pra imigração:

Sim, eu consegui imigrar e sou muito feliz pelos passos que tomei pra chegar até aqui, mas se eu soubesse desde que comecei a planejar o meu intercâmbio que eu iria escolher Toronto como minha morada definitiva eu teria começado a planejar a imigração desde o início, acho que assim eu teria evitado alguns stresseses do processo e talvez até teria conseguido conquistar esse sonho mais rápido. Eu só comecei a pensar em imigrar quando já estava no meio do college, e isso fez com que eu tivesse que me apressar no meu planejamento e o tempo ficou super apertado, mas felizmente deu tudo certo, mas com essa preocupação vieram várias ruguinhas e cabelos brancos.

Aproveitar mais a cidade e arredores:

Felizmente hoje eu estou aproveitando e curtindo Toronto muito mais do que quando cheguei aqui, mas se pudesse voltar no tempo aproveitaria muito mais as coisas que a cidade tem pra oferecer, coisas que eu não sabia que existiam no começo como lugares que hoje são super especiais pra mim, restaurantes que são meus favoritos, e atividades que eu nem sabia que gostava. Quando cheguei e era apenas uma intercambista, eu só visitava lugares que eram indicados por pessoas da escola ou outros alunos que já estavam aqui há mais tempo, e essas atividades eram muitas vezes bem chatinhas, e como eu não conhecia pessoas locais na época, e os blogs sobre a cidade não eram tão populares, eu não sabia nem da metade das coisas que aconteciam na cidade.

Evitar brasileiros a todo custo:

Quando cheguei aqui, tinha o objetivo de aprender inglês, e não queria que nada me atrapalhasse nisso, e por isso, evitei bastante o contato com brasileiros. Esse hábito me fez afastar de grupos com brasileiros e quando o meu inglês já estava bom, eu já não tinha nenhum contato com os conterrâneos. Acontece que hoje eu dou valor aos brasileiros, e sei que nem todos são legais e tal, mas dou valor aos amigos brasileiros que tenho, e se pudesse voltar no tempo, daria mais valor aquelas pessoas que conheci lá atras, e quem sabe hoje em dia eu teria ainda mais amigos brasileiros.

 

Eu tenho muito mais coisas que se pudesse voltar no tempo faria diferente, mas acho que essas três são as mais marcantes e mais importantes pra dividir com vocês.

Gostou do post? Veja o que as outras meninas do projeto falaram sobre esse assunto:

vidaemtoLivi Souza: baianosnopolonorte.com

Carina Iani: outsidebrazil.com

Gabriela Ghisi: gabynocanada.com

Mirella Matthiesen: www.mikix.com

vidaemto

5 Comment

  1. No meu caso é totalmente ao contrário!!! Eu tenho tanto contato com brasileiro que as vezes ainda penso que estou no Brasil hehehehe.

  2. Gostei dos seus pontos Mari… Beijos

  3. Lu Zilio says:

    Olá, é legal revermos os nossos erros, mas alguns fazem parte de um crescimento. Algumas coisas devem ser passadas para serem valorizadas, certo? Vejam. Adorei o POST.

  4. oi Mari. Gostei muito do ponto 1 e até me identifiquei, pois quando cheguei nao sabíamos que iriamos imigrar. Mas que bom que pra vc (e pra mim) deu tudo certo! Beijos e aproveite a viagem!

  5. Mirella says:

    Muito interessante sua reflexão, Mari!
    Esse negócio de conhecer mais Toronto é uma verdade… eu lembro que também ia semprw para os mesmos lugares, mas acho que hoje tb é mais fácil “descobrir” esses lugares por causa da internet e midias sociais…
    adoro ser turista na minha própria cidade!!!
    Bjos

Deixe uma mensagem